Var. Souza Cruz / Var. nº fumantes < 0

Essa pode

A indústria do cigarro sempre foi forte. O tabagismo era incentivado na meiuca do século XX. Há poucos anos as propagandas ainda eram maciças. Marlboro tinha um cowboy boa pinta que cavalgava pelas montanhas num “raro prazer”. Hollywood fazia propagandas com esportes radicais saudáveis. Haviam vários e grandes eventos culturais que levavam os nomes das marcas. Tudo remetendo à uma “causa” de liberdade. Uma fuga das regras. Coisa que funcionava nas décadas de 1960-70.

Com a natural evolução da espécie pretextos foram sendo criados para inibir o consumo. Há tempos sabe-se que o cigarro faz um mal da porra. As propagandas “pró” foram restringidas e as “contra” foram intensificadas.

Breve perfil segundo pesquisa do IBGE: o fumante brasileiro é predominantemente homem (60%), está entre 25 e 44 anos (42%) e mora no meio urbano (82%). Porém, o número de usuários do tabagismo no Brasil vem reduzindo com as campanhas feitas e está num nível bem baixo. Somos 17% de fumantes e 83% de não fumantes.

Contudo, as ações da Souza Cruz mostram-se sustentáveis no Longo Prazo. A gigante do setor adia cada vez mais sua derrocada. É a correlação negativa que os investidores consideram.

Ação Souza Cruz últimos 10 anos. Fonte: Bloomberg

3 comments so far

  1. Victor on

    Quanto mais restrições a uma indústria, maiores as dificuldades para um novo competidor se estabelecer (INVENTEI para pagar de sabichão).

    • rkbender on

      Hahaha… na verdade um mercado com uma estrutura de Oligopólio já possui grandes barreiras à entrada de novas empresas.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: